Hint Movie #82 *A Última Premonição

1.8.16


Olá, olá pessoal!
Todos bem?!
Hoje trago para vocês a resenha de A Última Premonição, que apesar do nome, não tem nada a ver com a série de filmes e que consegue prender sua respiração por um tempo bem longo! ... Bora conferir ...



Ficha Técnica
Título Original: Visions
Lançamento: Julho/2016
Direção: Kevin Greutert
Roteiro: L.D. Goffigan e Lucas Sussman
Produção: Jason Blum e Matthew Kaplan
Duração: 82 min
Gênero: Terror / Mistério
Estúdio: Blumhouse Productions / Chapter One Films
Distribuidora: PlayArte Pictures
Música: Anton Sanko
Edição: Kevin Greutert
Elenco: Isla Fisher, Anson Mount, Gillian Jacobs, Joanna Cassidy, Jim Parsons, Eva Longoria, John de Lancie entre outros.

Sinopse: Uma jovem mulher sofre um grave acidente de carro, e sobrevive por pouco. Enquanto se recupera, começa a ter estranhos pesadelos, que os médicos descrevem como consequências comuns do trauma que viveu. Pouco depois, ela se descobre grávida, e muda para uma nova casa com o marido. Mas as visões tornam-se cada vez mais graves e violentas, ameaçando todos ao redor.

Trailer

Opinião: Eveleigh sofreu um grave acidente de carro, e após sua recuperação, ela e seu marido, David, mudam-se para um vinhedo para recomeçar a vida, principalmente pq ela está grávida. Porém, Eve começa a ter agumas visões inexplicáveis e por acharem que pode ser sintomas do trauma pós acidente, David e o médico de Eve, Dr. Mathison, insistem para que ela volte a tomar antidepressivos. Ela fica dividida entre zelar pela vida de seu bebê e sua sanidade mental.


O enredo do filme é bem elaborado e explorado, com um final bem surpreendente. Não tem nenhuma ligação com os outros filmes da saga Premonição, então a tradução do título vem a enganar um pouco o público. Algumas atuações não convencem 100% do filme, mas o que achei interessante é que, diferente da maioria dos filmes de terror, esse tem conteúdo em seus diálogos, não sendo apenas conversa fiada para passar o tempo.

Com muitos closes, o longa nos mostra um ambiente bem tranquilo, vasto e solitário do vinhedo. Sequências calmas, mostrando um pouco do dia-a-dia de Eve, mas também aquele suspense sempre no ar, para então, trazer a tona todo o medo e desespero da futura mãe. Achei muito bacana como foi desenvolvida a ideia das visões de Eve, e explicado no final.


Em mim, o filme deu muito medo ... para quem está acostumado a esse tipo de gênero cinematográfico, talvez não fique tão impressionado com as cenas mais fortes. De qualquer forma, é um bom filme, vale a pena conferir.



Até a Próxima!!!
Beijos!!!




LEIA TAMBÉM

0 comentários

>> Bem Vindos! Obrigada Pela Visita! Deixe Seu Recado Que Com Certeza É Muito Importante Para Mim! Volte Sempre!