Hint Movie #72 *Burlesque

8.10.15


Olá, olá pessoal!
Todos bem??!!
Quem aí é fã de Christina Aguilera? E da Cher?!
Então com certeza já devem ter visto o filme com participação das duas, Burlesque, certo?! :D Bom .... pra quem já viu, e quem tem curiosidade de ver, trago para vocês minha opinião sobre o mesmo!! Bora conferir?! ...



Ficha Técnica
Título Original: Burlesque
Direção: Steve Antin
Roteiro: Steve Antin
Produção: Donald De Line
Duração: 119 min
Gênero: Drama / Musical / Romance
Estúdio: Screen Gems / De Line Pictures
Distribuidora: Sony Pictures
Música: Christophe Beck
Edição: Virginia Katz
Elenco: Cher, Christina Aguilera, Eric Dane, Cam Gigandet, Peter Gallagher, Stanley Tucci, Julianne Hough entre outros.

Sinopse: Ali deixou sua pequena cidade natal em busca do sucesso em Los Angeles. Logo ao chegar, ela conhece a boate Burlesque, especializada em shows musicais de belas mulheres, que sempre se apresentam usando playback. O local é gerenciado por Tess, que nega uma chance a Ali. Ela insiste e consegue ser contratada como garçonete, graças à ajuda do balconista Jack. Ali passa a acompanhar todos os shows, decorando as canções e coreografias. Quando Tess e seu braço-direito Sean realizam uma audição em busca de novas bailarinas, Ali aproveita a chance para mostrar do que é capaz.

Trailer

Opinião: Burlesque é um longa musical a respeito de uma garota de uma cidade pequena dos Estados Unidos, que tem o sonho de se tornar cantora, e cansada da sua vida pacata, ela corre atrás de seus objetivos.

Ali, nossa querida protagonista, mora em Iowa, onde é garçonete. Sua mãe faleceu quando ela tinha apenas 7 anos, deixando-a saudosa, principalmente nos momentos mais emocionantes de sua vida, os quais adoraria dividir com ela (o que o filme não nos mostra/cita é a respeito dos outros membros da familia (pai, avós, tios, etc)).

Logo no início, Ali decide ir embora de sua cidade e entregar-se a Hollywood, para tentar seguir na carreira musical. Após algumas tentativas, a moça se depara com uma mulher com roupas extravagentes, na sacada de uma boate e fica encantada com o que vê, principalmente ao ver a placa do local com luzes de neon indicando o nome “Burlesque”. Ali entra por curiosidade, e ao ver o show musical das garotas, decide que aquilo é o que ela quer fazer.

Nesse ponto, temos Tess, a proprietária da casa e que apesar da sua eterna negação, está com sérios problemas financeiros, e corre o risco de perder o local. Seu ex marido, Vince, tenta a todo custo, fazê-la vender a boate para Marcus, um poderoso, riquíssimo e sedutor empresário, que pretende construir um grande complexo no terreno.

A primeira tentativa de Ali de conseguir uma audição com Tess, é negada, sendo assim, ela decide trabalhar como garçonete, já que tem experiência com isso (detalhe: ela simplesmente pega uma bandeja e começa a trabalhar). Com isso, ela começa a prestar atenção nas danças e decorar as coreografias, não desistindo de tentar ser uma das garotas no palco.

Temos também, Jack, o barman, com o qual Ali começa uma amizade que acaba se tornando um meio romance. No entanto, ele é noivo de Natalie, que está em New York trabalhando em sua carreira de atriz. Jack também é compositor e espera a oportunidade certa para lançar suas músicas.

Durante o filme vemos a paixão de Ali pelo Burlesque e sua enorme vontade de estar no palco. Enquanto isso ela tenta ajudar Tess a não perder a casa e também seus sentimentos por Jack que vão crescendo a cada dia. O empenho de Ali é grande e podemos ver isso através da atuação de Christina Aguilera, que claro, além de trazer enorme contribuição vocal, também traz um lado doce e ao mesmo tempo firme para a personagem.

Jack é aquele cara sonhador, apaixonante e com um certo medo de tomar atitudes em relação ao seu futuro. Tess ama Burlesque e não quer deixar seu sonho desmoronar, porém, deixou por tanto tempo os encargos financeiros de lado, que chegou na “beira da ponte” e não sabe para onde ir. Além claro, das dançarinas, que arrasam em suas coreografias.

As atuações em si, não são 100% convincentes, mas o foco voltado para as danças deixa qualquer um de queixo caído (eu particularmente queria ser uma delas com certeza). O que achei legal durante o filme, é que enquanto as garotas faziam a performance de uma música, ao mesmo tempo sequências de cenas iam sendo mostrada como continuação da estória. O crescimento de Ali também é bem bacana, mostrando a todo tempo que ela continua sendo aquela garota simples e batalhadora do interior.

Eu recomendo o filme só pelas danças e trilha sonora, não posso negar o quanto fiquei apaixonada por elas. Coreografias muito bem desenhadas e produzidas. O contexto mostrando que Burlesque não é uma casa de strip-tease e sim de entretenimento, tanto para homens como mulheres. E também o leve toque de romance e drama no filme, que vale a pena conferir.


E vocês, já viram Burlesque?!
O que acharam?
Deixem seus comentários!!



Até a Próxima!!!
Beijos!!!




LEIA TAMBÉM

0 comentários

Bem Vindos! Obrigada Pela Visita! Deixe Seu Recado Que Com Certeza É Muito Importante Para Mim! Volte Sempre!