Séries Literárias #5: Os Bridgertons

21.10.14

Olá Pessoal! Hoje na coluna Séries Literárias trago minhas impressões sobre a série Os Bridgertons, da autora Julia Quinn. Os livros é composto por oito livros, mas aqui no Brasil só foram lançados os quatros primeiros livros pela Editora Arqueiro.






Simon Basset, o irresistível Duque de Hastings, arquitetou um plano para livrá-lo das mães da sociedade que só pensam em casá-lo com suas filhas: um noivado falso com a adorável Daphne Bridgerton. No entanto, a atraente srta. Bridgerton logo se esquece de que a corte do rapaz é uma farsa. Agora, ela precisa fazer o impossível: resistir à tentação de entregar seu coração ao belo encrenqueiro que jurou nunca se casar.
Nota: 5/5 FAVORITO

A série é um romance de época maravilhoso e espetacular, Julia Quinn narra em cada livro um dos irmãos Bridgertons. Os oitos filhos de Violet Bridgerton são Anthony, Benedict, Colin, Daphne, Eloise, Francesca, Gregory e Hyacinth. 


O Duque e Eu, primeiro livro da série, narra as aventuras de Daphne Bridgerton e Simon Basset, o duque de Hastings. Simon é o objeto de interesse de todas as mães casamenteiras e sempre é alvejado nos bailes por damas, mas para se livrar disso corteja Daphne - irmã do seu melhor amigo Anthony Bridgerton -, e as coisas que começam com apenas um fingimento acabam se revelando em algo profundo. Nesta série temos a Lady Whistledown, colunista do jornal ‘‘Crônicas da Sociedade de Lady Whistledown”, e em suas crônicas ela traz todas as fofocas da sociedade Londrina e não deixa escapar nada. Ela é amada e odiada ao mesmo tempo. Ela usa de argumentos ousados e sarcásticos para tudo que acontece na cidade, principalmente nas ocasiões dos bailes.

''Era emoção, pura e absoluta, uma mistura bizarra de alívio, alegria, desejo e temor. E ele, que passara a maior parte da vida evitando sensações confusas, não tinha ideia como agir em seguida.”

Em O Visconde Que Me Amava, segundo livro da série, temos a narrativa pelo ponto de vista de Anthony Bridgerton, primogênito da família. Ele é o homem da casa, já que seu pai morreu faz muito tempo e as responsabilidades são exclusivamente só para ele. Ele cuida da família como um verdadeiro pai. Mas ele é um libertino, um dos piores de Londres. Só que em um dia ele anuncia que quer se casar - para alegria de Violet - e a principal pretende e a debutante mais encantadora de 1814, Edwina Sheffield. Kate Sheffield, irmã mais velha de Edwina, não irá permitir que sua irmãzinha se case com um libertino; ela fala o que pensa e não tem medo de expor sua opinião. Ela também está debutando na temporada, mas acredita que não se casará por causa que não é mais novinha e por achar que não é tão bela. Anthony e Kate terão uma relação de gato e rato, mas vai surgindo momentos e quando menos esperamos uma centelha de emoções vai aparecendo.

"O amor não deve temer que lhe arrebatem isso. O amor deve encontrar a pessoa que lhe encha o coração, que faça ser uma pessoa melhor do que nunca sonhou ser. Deve olhar a sua mulher nos olhos e estar convencido até o mais fundo de que ela é simplesmente a melhor pessoa que conheceu."

Um Perfeito Cavalheiro é o terceiro livro da série Os Bridgertons e é narrado por Benedict Bridgerton e Sophie Maria Beckett. Este livro é adaptação de Cinderela e Julia Quinn narra esta história de amor de forma brilhante e encantadora. Sophie é filha bastarda do conde Richard Gunningworth, porém ele nunca reconheceu a paternidade e, sim, anunciava para sociedade ela como sua pupila. O conde acaba se casando, mas Sophie foi tratada com uma moça respeitada, ele nunca deixava nada faltar para a menina. 

''Dizem que uma pessoa inteligente aprende com os próprios erros - interrompeu Sophie, encerrando o protesto dele. - Mas uma pessoa inteligente de verdade aprende com os erros dos outros.''

Após a morte dele a condessa Araminta, madrasta da menina, e suas filhas Rosamund e Posy fazem de Sophie uma criada. Benedict e Sophie acabam se conhecendo num baile, quando a jovem recebe a ajudar de uma ''fada madrinha''. As coisas acabam não dando certo e os anos passam, mas depois ele se reencontram e Benedict não a reconhece. Uma história de amor eletrizante e que me conquistou muito.


Os Segredos de Colin Bridgerton, quarto volume da série Os Bridgertons, acompanhamos o maravilhoso Colin e Penelope Featherington, que já é conhecida na série desde o primeiro livro mas nunca foi muito participativa. Em cada livro, os anos vão passando e os que eram novinhos agora são adultos, como no caso de Colin e Penelope.O Bridgerton é um solteiro de 33 anos, rico, lindo e muito cobiçado mas seu prazer é viajar pelo mundo. Já Penelope já se conformou com a solteirice e acredita que nunca se casará.

Por não ter os padrões de belezas exigidos pela sociedade sofreu muito quando era adolescente, porém agora não se importa mais com isso. Mas ela sempre foi apaixonada por Colin, que só a via como uma irmã. Diante de algumas circunstâncias, Colin perceberá como Penelope é bonita e encantadora, e não consegue acreditar como nunca percebeu isso e ele não sabe como reagir a todo esse sentimento.

''[...] Olhou para ela e, de alguma forma, não viu a mulher que vira tantas vezes antes. Penelope estava diferente. Ela brilhava. Era uma sereia, uma deusa, e ele se peguntou como era possível que ninguém jamais o tivesse percebido..''

O quinto livro da série, Para Sir Philip com amor, será lançado em fevereiro de 2015 pela editora Arqueiro. A família Bridgerton é perfeita e encantadora, Violet criou seus oitos filhos com amor e dedicação, uma mãe zelosa e que deseja que todos seus filhos se casem. Julia Quinn tem uma narrativa ótima e que encanta. 

''Homens são criaturas contraditórias. A mente e o coração nunca estão de acordo. E, como sabem muito bem as mulheres, suas ações costumam ser governadas por um aspecto completamente diferente.''
 Crônicas da Sociedade de Lady Whistledown
29 de abril de 1814


Autora:

Julia Quinn começou a trabalhar em seu primeiro romance um mês depois de terminar a faculdade e nunca mais parou de escrever. Seus livros já atingiram a marca de 8 milhões de exemplares vendidos, sendo 3,5 milhões da série Os Bridgertons. É formada pelas universidades Harvard e Radcliffe. Seus livros já entraram na lista de mais vendidos do The New York Times e foram traduzidos para 26 idiomas. Foi a autora mais jovem a entrar para o Romance Writers of America’s Hall of Fame, a Galeria da Fama dos Escritores Românticos dos Estados Unidos, e atualmente mora com a família no Noroeste Pacífico. 


LEIA TAMBÉM

0 comentários

>> Bem Vindos! Obrigada Pela Visita! Deixe Seu Recado Que Com Certeza É Muito Importante Para Mim! Volte Sempre!

Mais Lidos

CONTATOS/ANUNCIE

Dúvidas, sugestões, críticas, elogios e outros assuntos: Entre em contato através do formulário na aba Contato

Caso você queira anunciar seu site, produto ou serviço, peça o Media Kit do Cinco das Artes pelo email 5dasartes@gmail.com

ONDE COMPRAR

Seleção de Livros! Clique e confira.

PUBLICIDADE


Tecnologia do Blogger.