... Modalidades da Dança ...

8.7.10



Olá pessoal!
Me desculpem a ausência ... não estava muito bem esses dias ...
E também não conseguia escolher o que escrever no Blog (entre comentários do Livro Novo, Cinema, BsB .. hehe ... tudo rodando na minha cabeça (rs))
Mas finalmente eu decidi! ... e Já que posso escrever um pouco de cada coisa por dia ...
Hoje vamos voltar a um dos primeiros assuntos citados aqui: a Dança do Ventre!
E vou falar um pouco sobre as Diferentes Modalidades que existem dentro da Dança Árabe!
...
A Dança do Ventre possui diversas modalidades desde a tradicional que não utiliza nenhum objeto até outras variações nas quais se dança com objetos cênicos >> Credits By: Central Dança do Ventre
...

Vamos começar pela Famosa:
 
  • DANÇA DOS SETE VÉUS 
Ao contrário do que se imagina, a Dança dos Sete Véus não é folclórica e não tem caráter erótico. Tem uma história pouco precisa e certa, por isso existem alguns mitos e lendas sobre sua origem e seus significados. Durante a dança a bailarina vai retirando cada um dos sete véus que estão presos ao seu corpo enquanto dança; as cores dos véus geralmente são vermelho, laranja, amarelo, verde, azul-claro, lilás, branco. Isso não é uma regra, pode variar conforme a escolha da bailarina. A escolha da música fica a critério da Bailarina, mas baseando-se que não poderá usar músicas folclóricas ou solo de Derbak (falarei sobre estilos de músicas num outro Post!), sendo mais apropriadas as músicas instrumentais; o tempo da música também vai da preferência da bailarina, mas recomenda-se que ela opte por uma música que tenha no mínimo uns sete (7) minutos, dedicando-se a dançar aproximadamente durante um minuto com cada véu. Caso contrário corre-se o risco da retirada dos véus ser muito rápida, perdendo um pouco a qualidade da dança.



  • DANÇA COM VÉU
    Parecido com a Dança acima citada, mas neste caso pode variar de acordo com a intenção e criatividade da bailarina: pode-se dançar com um único véu, com dois ou até nove. Não há traje e nem ritmo específico para sua execução. Apenas recomenda-se evitar ritmos folclóricos e solos de derbak. A música pode ser mais lenta ou mais rápida. Esta dança exige equilíbrio pois pede deslocamentos e giros. Também requer habilidade da bailarina já que este objeto cênico se movimenta durante a dança, ao contrário do punhal por exemplo.

    • DANÇA DA ESPADA
    É uma dança que exige equilíbrio, pois que há movimentos em que se equilibra a espada em partes do corpo, além de exigir força, já que a espada é um pouco pesada. A bailarina pode equilibrar a espada na cabeça, na mão, na cintura, no busto, no abdômen, e na perna enquanto dança mas não se pode esquecer também da graciosidade e do charme presentes nesta dança. Esta dança não requer ritmos ou trajes específicos, mas devem-se evitar os ritmos folclóricos. Geralmente é dançada em um ritmo mais lento, podendo a música apresentar algumas partes rápidas.



      •   DANÇA COM PANDEIRO
       O pandeiro é um acessório cênico utilizado pela bailarina enquanto dança e é tocado apenas em alguns momentos para fazer as marcações da música, ela faz batidas do pandeiro em diferentes partes do corpo, como mão, cotovelo, ombro, quadril, joelho, para marcar as partes mais fortes da música, ou seja, ela não toca o tempo inteiro como faz o músico com o pandeiro. Não deve ser tocado em músicas lentas ou taksins. Há quem o toque em solos de derbak, o que pode torná-los ainda mais bonitos, se bem executados. Uma dica é fazer batidas no pandeiro apenas nas batidas mais fortes da música, e nos outros momentos utilizá-lo como elemento decorativo por isso recomenda-se que se dance em músicas alegres, animadas, ritmadas e bem marcadas.  


      • DANÇA COM VELAS
        As taças com velas iluminam o corpo, os trajes da bailarina e também o ambiente, por isso recomenda-se que este não seja muito claro, mas que esteja na penumbra. Não se sabe ao certo sua origem, mas acredita-se que tenha surgido no ocidente. Não existe um traje pré-determinado, e também não há um ritmo específico. Apenas sugere-se que seja dançada ao som de uma música mais lenta e clássica, que cause um certo ar misterioso. Por ser uma dança mais lenta e delicada, pode-se realizar movimentos de chão, bem como abusar de movimentos de oitos, ondulações, redondos e cambrees. 

         


        No Próximo Post Continuarei com o Tema Modalidades da Dança do Ventre, ainda temos modalidades como: Snujs, Punhal, Candelabro, etc. Espero que tenham gostado desse Post. Os vídeos foram escolhas minhas! =D sou apaixonada pela Dança e é muito difícil escolher um só! Só não coloquei vídeo de todos pois ficaria muito pesado, e talvez vocês não conseguissem ver direito! As fotos também foram retiradas da internet, a única que não foi, é a foto da Modalidade Dança com Véu, essa foto foi tirada num dos Shows de Final de Ano da Cia de Dança do Ventre Khalida da qual faço parte. E sim, sou eu na foto! (:$) hehehe!
        Até o Próximo Post! Tenham Todos um Ótimo Feriado!
        Beijos!
        P.S.: O Blogger estava com alguns probleminhas em relação aos comentários! Se por acaso você comentou e está "0 Replys" ... clica nos comentários que vai aparecer! ... E não deixem de Comentar!! =D


        LEIA TAMBÉM

        3 comentários

        1. Ahhhh eu adoro dança! Todos os tipo, fiz alguns anos,mas dança do ventre eu não me atrevo, morro de vergonho de mostrar a barriga, mas esse post está muito legal pela explicação!
          Adorei
          Beijos

          Greice
          Blog Amigas & Mulheres

          ResponderExcluir
        2. Obrigada pela visita Greice!!
          =D
          A parte de ter vergonha é normal!! hehe
          Eu tbm tenho as vezes!! hehe
          Mas vc acaba ficando tao empolgada com cada tipo de roupa ... e na Dança tbm tem o Khalige q é um tipo de Dança Arabe q a roupa é uma tunica ... mas isso explico outro dia hahaha

          Beijoss

          ResponderExcluir
        3. Adooooooooooooro Dança do Ventre,
          Tem dança mais sedutora?
          Se joga no véu Ká!
          Beijos

          ResponderExcluir

        >> Bem Vindos! Obrigada Pela Visita! Deixe Seu Recado Que Com Certeza É Muito Importante Para Mim! Volte Sempre!